Anterior

ANTERIOR

Encerrada a fase on-line do Concurso Nacional Crente Bom de Bíblia

16/08/2018

Assembleia de Deus

AD Mauá comemora 60 anos da União Feminina

Evento foi realizado entre os dias 19 a 22 de abril, e cerca de cinco mil pessoas passaram pela festa durante as quatro noites

Fonte: AD Mauá (SP) | 26/04/2018 - 09:50
AD Mauá comemora 60 anos da União Feminina

Com base no tema: "E farei tremer todas as Nações, e virão coisas preciosas de todas as nações, e encherei esta casa de Glória. Diz o Senhor dos exércitos” (Ageu 2.7), a Assembleia de Deus de Mauá (SP), sob a presidência do pastor Clarismundo Martins Peixoto e a coordenação da sua esposa, irmã Vilma Pericinotto Martins, comemorou o 60º Aniversário da União Feminina da Assembleia de Deus em Mauá (UFADEM), nos dias 19 a 22 de abril.

O evento contou com a participação da Dupla Canção & Louvor; da cantora Eliã Oliveira; dos pastores Genival Bento dos Santos (AD Alagoas); Moisés Leopoldino (AD São Paulo); e Israel Marcelino (EUA); além do evangelista Paulo Barreto Jr. (AD Mauá). Ao todo, 1.900 mulheres se prepararam para participar do Coral da UFADEM este ano. Cerca de cinco mil pessoas passaram pela festa durante as quatro noites. Deus manifestou a Sua Glória e Poder com salvação de almas e Batismo no Espírito Santo. 

Para a irmã Vilma, coordenar um grupo como a UFADEM é um grande privilégio da parte do Senhor. "Nós somos um grupo forte, unido, e esses dias de festividade ressaltaram a nossa identidade como grupo, para a glória do Senhor. Continuaremos firmes e constantes na Obra do Senhor, procurando sempre cumprir os propósitos do coração dEle para o nosso grupo, Igreja e cidade.", disse a irmã Vilma Pericinotto Martins, coordenadora geral da UFADEM.

“A integração das irmãs tem que ser mantida também para os grandes trabalhos, e assim a cidade verá a força que a igreja tem e o movimento que ela é capaz de fazer, o que consequentemente gera um maior apoio social, pois, as mulheres investem nessa causa. Com isso, vamos ter uma cidade melhor, mais pacífica, mais tranquila, mais próspera, é isso o que nós queremos”, finalizou o pastor Clarismundo Martins Peixoto, presidente do Campo.