Anterior

ANTERIOR

Jornalistas da Reuters completam um ano na prisão em Mianmar

12/12/2018

Giro pelo Mundo

Incêndio na Irlanda revela sinal da 2ª Guerra contra ataques aéreos

Sinal feito com rochas no litoral alertava pilotos que estavam sobrevoando a Irlanda, que se manteve neutra durante a Segunda Guerra Mundial

Fonte: R7 | 08/08/2018 - 14:15
Incêndio na Irlanda revela sinal da 2ª Guerra contra ataques aéreos

Um incêndio em um enorme matagal, seguido por fortes chuvas no litoral da Irlanda, na última semana, expôs um grande sinal de "Eire" (nome do país no idioma irlandês), escrito no chão. O letreiro servia para avisar pilotos de aviões de combate na Segunda Guerra Mundial, alertando que estavam sobrevoando um território que era neutro no conflito.

O sinal ficou visível depois que o fogo destruiu a vegetação que cobria um rochedo em Bray Head, na costa leste da Irlanda, a cerca de 25 quilômetros da capital do país, Dublin.

Durante a Segunda Guerra, a Irlanda estava no final do processo de se tornar um país independente da Grã-Bretanha e, por isso, decidiu manter a neutralidade no conflito. Cerca de 50 mil irlandeses participaram dos combates, alistando-se no exército britânico.

Cerca de 85 sinais como os de Bray Head foram montados entre 1942 e 1943 por grupos de voluntários ao longo da costa do país. O objetivo era evitar que o território fosse atacado por bombardeios tanto por parte do Eixo quanto dos aliados.

Este vídeo, postado no Twitter, mostra uma imagem aérea do rochedo com o sinal em Bray Head.

Cerca de 30 sinais do tipo foram identificados nos últimos anos, mas o que foi descoberto esta semana é um dos mais bem preservados já encontrados no país.