CPADNews

Vacinas contra covid-19 devem atender países ricos e pobres

`Se você mora na parte mais obscura do mundo ou em Londres, deveria ter o mesmo acesso´, diz norte-americano especialista em doenças infecciosas

Segundo especialistas
Vacinas contra covid-19 devem atender países ricos e pobres

Os desenvolvedores de vacinas deveriam se empenhar em fabricar bilhões de seus produtos contra a covid-19 para garantir o acesso em todas as partes do mundo, em vez de se concentrarem apenas nos países ricos.

A afirmação é do especialista norte-americano em doenças infecciosas Anthony Fauci.

Os comentários de Fauci vieram dias depois de a Pfizer anunciar que sua candidata a vacina contra a doença é mais de 90% eficiente, com base em resultados iniciais de um teste de larga escala, garantindo uma vantagem na corrida por um imunizante seguro e eficaz.

"Agora várias empresas diferentes estão falando sobre a capacidade de fazer bilhões de doses. É disso que precisamos. Não precisamos de centenas de milhões para os países ricos", disse Fauci, em seminário virtual do centro de pesquisas britânico Chatham House.

"Precisamos de bilhões [de doses de vacina], então, se você mora na parte mais obscura do mundo em desenvolvimento ou mora em Londres, deveria ter o mesmo acesso," (Anthony Fauci)

Especialistas também expressaram dúvidas sobre o acesso à vacina, especialmente em países em desenvolvimento, já que ela precisa ser armazenada a -70 grau Celsius, criando desafios de infraestrutura.

"Certamente não será uma pandemia por muito mais tempo, porque acredito que as vacinas reverterão isso", disse Fauci, acrescentando, no entanto, que pode haver a necessidade de revacinar as pessoas de maneira intermitente se a covid-19 se tornar endêmica.