Anterior

ANTERIOR

Palestina deseja negociar ´acordo de paz´ com Israel, com mediação de Trump

23/11/2017

Universo Cristão

Ministério brasileiro faz cruzadas no Paquistão com milagres e conversões

Missão sediada em Santa Catarina chega ao segundo pais com maior número de muçulmanos

Fonte: Gospel Prime | 14/11/2017 - 13:15
Ministério brasileiro faz cruzadas no Paquistão com milagres e conversões

O ministério 1Passion [Uma Paixão], com sede em Santa Catarina, realizou recentemente três cruzadas evangelísticas no Paquistão, segundo país com maior número de muçulmanos do mundo.

Liderado por Cristopher Carrasco Vergara, um chileno radicado no Brasil, que trabalhou cinco anos com o evangelista Reinhard Bonnke, a 1Passion não possui uma grande estrutura. Mesmo assim, pela fé tem entrado em países onde há perseguição aos cristãos como Índia, Nepal, Paquistão, Bangladesh e, mais recentemente, o Irã.

Em entrevista recente, Vergara afirmou que conhece os riscos de ser morto por causa da sua fé. “A igreja do Senhor é mártir, isso significa ser testemunha no original… Eu prego nesses lugares porque estou disposto a morrer por Cristo, mas não procuro que alguém venha e corte minha cabeça. Eu tento evitar o máximo possível ser o mais sábio e prudente, ser guiado pelo Espírito Santo, porque eu não quero ser suicida”.

Entre o final de outubro e o início de novembro a missão realizou cruzadas e fez trabalhos de ação social no Paquistão. No primeiro evento evangelístico, realizado durante um funeral, cerca de mil muçulmanos ouviram sobre a salvação em Jesus.

Poucos dias depois, a missão fez um trabalho de distribuição de comida para pobres e doentes no interior do país. Vergara conta que a “realidade nas aldeias é terrível. Os níveis de pobreza são altíssimos. As crianças desde os 6 anos de idade já trabalham 12 a 15 horas por dia para ganhar 1 dólar por semana”. Após receberem alimentos, todos os presentes ouviram uma pregação evangelística.

O evento de maior vulto reuniu milhares pessoas, em uma cidade que a missão prefere não divulgar por questões de segurança. Apesar de alguns islâmicos tentarem impedir a realização da cruzada, Vergara pregou. Além de muitas curas e milagres, centenas de pessoas aceitaram e Cristo.

O missionário garantiu que sabe dos riscos que corre divulgando seu trabalho em países onde pregar o evangelho livremente não é permitido. “Sei que eles podem me pegar, mas quero que milhares sejam inspirados e sejam despertados para a necessidade nos países perseguidos. O balanço de nosso trabalho no Paquistão é que alcançamos 25000 adultos e mais 2500 crianças. No final tivemos 250 batismos. Também demos bolsas de estudos aos jovens nativos para serem plantadores de igrejas em seus próprio país”.

Esta semana Chileno Vergara, como é mais conhecido, está lançando o livro “Eternidade nos meus olhos: origem, identidade e destino”. Todo o lucro com a venda da obra será revertida para o trabalho nos países fechados. Mais informações sobre o trabalho podem ser encontrado no site da missão.

Assista: