Anterior

ANTERIOR

Cristãos iranianos não oram pelo fim da perseguição, mas sim pelo avanço do Evangelho

26/06/2019

Universo Cristão

Portas Abertas realiza mais uma Tarde de Oração em sua sede

Encontro reuniu cristãos para interceder em favor da Igreja Perseguida e saber mais sobre a causa

Fonte: Portas Abertas | 14/03/2019 - 10:00
Portas Abertas realiza mais uma Tarde de Oração em sua sede

Na tarde do dia 12, ocorreu mais uma Tarde de Oração na sede da Portas Abertas. O encontro reuniu cristãos dispostos a orar e conhecer mais sobre a Igreja Perseguida. Os participantes tomaram conhecimento de mais detalhes de como foi a última de viagem de mulheres para Bangladesh.

Polyana Fortunato, da cidade de São Paulo, compareceu pela primeira vez. Ela ficou sabendo da reunião por uma irmã de sua igreja. “Eu gostei, fui muito bem recebida. Além disso, a gente sai da bolha, acaba aprendendo e sabendo de outras pessoas que precisam de nós. Elas precisam de nossas orações, isso faz um efeito muito grande sobre suas vidas”. Falou também sobre a importância do estar reunido com outras pessoas para orar pela Igreja Perseguida.

Outra participante, Edjane Bento, já esteve muitas outras vezes na Tarde de Oração. “A gente acha que é um esforço, por ser no meio da tarde e ter filhos, esposo, mas quando você se programa e vem, a comunhão que temos aqui, essa sensibilidade que você tem pelos motivos de oração nos sustentam até o próximo encontro”. Ela compartilhou ainda que não entendia o impacto que a oração tinha para nossos irmãos e irmãs perseguidos. “A Portas Abertas insiste bastante no tema oração. Eu posso fazer uma oração aqui onde estou e talvez a importância seja que estou junto com outras pessoas que se unirão para interceder pelo mesmo pedido”, concluiu.

O voluntário do Acampamento Underground (realizado pela Portas Abertas), João Marcos Oliveira Marques de Souza, veio ao encontro com a mãe, a irmã e a namorada. “Estar aqui foi diferente. Foi muito bom conhecer um pouco sobre o que as mulheres foram fazer em Bangladesh. Isso é um choque de cultura, saber como vivem cristãos em países onde é tão difícil viver a fé em Jesus”, contou.

A próxima Tarde de Oração será no dia 2 de abril, às 15h, na Igreja Restaurando Vidas, localizada na rua Euclides Medeiros, 170, no Jardim Gonçalves, em Sorocaba, interior de São Paulo. A reunião contará com a presença da cristã norte-coreana Hea Woo. Neste ano, ainda serão realizados mais 7 encontros, que ocorrerão em diferentes igrejas e na própria sede da Portas Abertas.