CPADNews

Frequência nas igrejas aumentou após programação online na pandemia, revela pesquisa

Pesquisa feita pela Sociedade Bíblica e pela Ecclesiastical Insurance apontou que as congregações têm alcançado mais pessoas através das mídias sociais

Frequência nas igrejas aumentou após programação online na pandemia, revela pesquisa

Muitas igrejas experimentaram um aumento na frequência depois de implementarem uma programação online durante a pandemia da Covid-19, de acordo com a pesquisa realizada em maio, pela Sociedade Bíblica e pela Ecclesiastical Insurance. 

O estudo feito com mil líderes, revelou que 43% das igrejas relataram um aumento significativo na frequência, por causa do uso das plataformas online. 62% dos líderes afirmaram que planejam continuar transmitindo os cultos online, mesmo após o fim de todas as restrições da Covid-19.

A maioria das congregações entrevistadas usou canais digitais para manter o contato com seus membros, com o surgimento da pandemia, a partir de março de 2020. 93% utilizou o zoom para realizar cultos públicos e reuniões, 60% usaram o Facebook e 5% o YouTube. Apenas 1% utilizou o Microsoft Teams.

A pesquisa também mostrou que a mudança para o meio digital exigiu investimento financeiro de muitas igrejas, com mais da metade (56%) dizendo que adquiriu novas tecnologias para tornar a congregação multimídia.

55% dos líderes afirmaram ter gasto mais de 3.500 reais em equipamentos. 50% investiu em equipamentos de som, 52% investiu em câmeras, e 62% compraram tecnologia para transmissão ao vivo. 

Para mais de 69% das igrejas, o investimento saiu de reservas existentes, enquanto 30% comprou por meio de doações.

 

Fonte: Guiame / Com informações Christian Today / Foto: Divulgação / Internet (19.07.21)