CPADNews

Cristãos sírios são incentivados por meio de cursos e atendimento psicológico

Desde 2016, a Portas Abertas trabalha na região com a campanha `Esperança para o Oriente Médio´

Cristãos sírios são incentivados por meio de cursos e atendimento psicológico

Com o propósito de incentivar as igrejas cristãs na Síria, a serem um Centro de Esperança e amparo aos cristãos que permaneceram no país durante a guerra, a Portas Abertas criou em 2016, a campanha “Esperança para o Oriente Médio”

Os irmãos ficaram em sua terra natal, e aceitaram o chamado de Deus para serem discípulos de Jesus no meio de um povo destruído pela violência.

As igrejas entenderam a importância de atuar na comunidade onde estão, e atualmente, o país já possui quarenta Centros de Esperança. Um deles é liderado por Manal Shoukair, que afirma oferecer cursos profissionalizantes e atendimento psicológico às pessosas.

“Conversamos com os cristãos, perguntamos sobre os sonhos, as esperanças, as ideias e até mesmo os medos deles. Oferecemos cursos de acordo com as necessidades de cada um”, explica a cristã.

Manal conta que após serem recebidos, e estabilizados, muitos jovens e adultos se sentem capacitados a enxergar a vida e as possibilidades com olhos da fé, e são encorajados a continuar na Síria também. De acordo com a líder, eles entendem o quão importante são suas raízes como cristãos nesta área.

“Sonho com mais cursos e atividades para atingir o maior número de jovens cristãos em Damasco. Queremos que pensem na igreja como um refúgio para eles. Oramos para que essa geração seja saudável, forte, bem treinada e capaz de levar nosso ministério para gerações futuras”, almeja ela.

A Portas Abertas fortalece os cristãos sírios nos Centros de Esperança, e assim, eles conseguem passar essa força adiante. O Organização conta com o apoio de cristão de todo o mundo, para enviar ajuda a igreja na Síria. Ore para que mais jovens floresçam e cresçam na Graça de Deus.

 

CPAD News/ Com informações Portas Abertas- Foto: Portas Abertas